4-Xtremes: Um casal suíço parte para uma viagem de superlativos

Série: 4-Xtremes

Mega viagem num Axor.

Com um veículo de expedição tendo como base um Axor, um casal suíço parte para a grande aventura. O percurso: uma prova de resistência para nervos e material. Os destinos: de cortar a respiração. Ao longo dos próximos meses, ambos irão apresentar no RoadStars os relatos da viagem.

Andrea e Mike com o seu veículo de expedição com base num Axor.

Foram precisos cinco anos para que Andrea (30) e Mike Kammermann (32) montassem o seu projeto. 4-xtremes deverá ser uma viagem de superlativos. Durante a viagem, o casal pretende visitar os quatro locais transitáveis mais inóspitos da Terra. O seu meio de transporte é um veículo de expedição construído com base num Axor.

Onze meses, 45 000 quilómetros.

Andrea e Mike pretendem percorrer ao longo de onze meses cerca de 45 000 quilómetros. Na sua rota, com início em Zurique, encontram-se quatro locais que imprimirão o seu cunho no projeto: o local transitável mais quente, o mais alto, o mais frio e o mais baixo do mundo. O primeiro destino levá-los-á ao deserto do Irão, onde já foram medidas temperaturas acima dos 70 graus Celsius. No nordeste da Índia, subirão bem alto com o Axor com tração integral. É aqui, acima de 5 700 metros de altitude, que se encontra o mais alto passo de montanha transitável do mundo. No extremo oriental da Rússia, os dois suíços pretendem chegar, passados alguns meses, à aldeia mais fria do planeta. A temperatura mais extrema no local: –70 graus. O último local que o casal, acompanhado da sua cadela Amy, pretende visitar com o Axor encontra-se em Israel, junto ao Mar Morto – a mais de 400 metros abaixo do nível do mar.

Um dos parceiros do 4-Xtremes é a Cruz Vermelha Suíça (SRK), cuja missão humanitária Andrea e Mike apoiam com o seu projeto.

A primeira parte da série, com detalhes sobre a mega viagem e sobre a campanha de apoio, será lançada a 11 de junho. Ao longo dos próximos meses, ambos irão apresentar no RoadStars os relatos das suas experiências. Não percam!


Fotografia: Alexander Tempel, 4-Xtremes

34 comentários