Vastidão infinita: possantes Actros 2563 distribuem bens alimentares e mercadorias pelo norte da Noruega

Economia & Logística

Nordic Power.

A ServiceNord Engros AS fornece restaurantes e cantinas no norte da Noruega com tudo aquilo que precisam. Os Actros com motorização topo de gama são a melhor solução para os transportes na região polar, considera o diretor da empresa, Jørn Johansen. E explica porquê aqui no RoadStars.

Com a empresa de transportes ServiceNord Engros AS pelo norte da Noruega.

O que têm em comum o cozinheiro de um restaurante sofisticado nas Lofoten, o barman de uma discoteca de estudantes em Tromsø, a senhora dos petiscos na E10 em Narvik e o comprador da estação de pesquisa do Ártico em Spitzbergen? Todos vivem no topo norte da Europa, numa região extrema. E todos gostam da vasta gama da ServiceNord Engros AS.


Em Harstad, cerca de 250 quilómetros a norte do círculo polar, este grossista tem um armazém que não deixa desejos por realizar em nenhuma época do ano: fruta e legumes, carne e peixe, ovos e produtos lácteos, bens alimentares essenciais como farinha, massa e arroz, bem como produtos ultracongelados, conservas, refrigerantes, vinho e cerveja. Não esquecendo as guloseimas e os produtos de higiene pessoal.

«Fornecemos quase tudo, e o que não temos em armazém conseguimos arranjar muito rapidamente», diz Jørn Johansen, sócio gerente da ServiceNord.

A partir de Harstad, os camiões brancos da empresa fornecem não apenas restaurantes, bares e snack bares com bens alimentares e produtos de consumo diário. Também hospitais, lares de terceira idade e cantinas públicas fazem parte do círculo de clientes da ServiceNord – tal como em toda a Noruega, também nesta parte remota do país, a infraestrutura social funciona.


A região estende-se por uma área quase do tamanho de Inglaterra, contudo aqui vive apenas cerca de meio milhão de pessoas. Na verdade, a ServiceNord não é o maior fornecedor desta região, com as suas muitas povoações dispersas. No entanto, a empresa garantiu um lugar fixo no fornecimento da região polar norueguesa. «Oferecemos aos clientes um pouco mais do que a concorrência», afirma Jørn Johansen, revelando a receita do seu sucesso.


Serviço flexível. Vinte e quatro horas por dia, os clientes podem encomendar no website da ServiceNord; quando necessário até pouco antes da hora da partida.

Até 800 quilómetros por dia.

A vasta gama satisfaz tanto os compradores mais sensíveis ao preço, como os clientes particularmente exigentes. A participação da ServiceNord na cooperativa Servicegrossistene, que atua em todo o país, permite a boa relação qualidade/preço. Depois, temos a grande disponibilidade de serviços: «Connosco, os clientes podem fazer encomendas até relativamente pouco tempo antes da partida dos camiões», conta Johansen durante uma ronda pelo seu armazém bem fornecido. «E quando há pedidos especiais, claro que também nos encarregamos deles e os entregamos.»


«Os nossos Actros praticamente não vão à oficina e os motoristas apreciam o conforto na sua cabina espaçosa com SoloStar Concept.»

– Firmenchef Jørn Johansen


Vasta gama. A gama de produtos no armazém da ServiceNord de Jørn Johansen em Harstad não deixa desejos por realizar.
Vasta gama. A gama de produtos no armazém da ServiceNord de Jørn Johansen em Harstad não deixa desejos por realizar.
Fornecedor ativo. Com apenas alguns movimentos, o motorista Stig André Madsen separa reboque e trator e, alguns minutos depois, faz a entrega ao cozinheiro Dag Steinar Fredriksen Myklebust do restaurante Anker Brygge.
Fornecedor ativo. Com apenas alguns movimentos, o motorista Stig André Madsen separa reboque e trator e, alguns minutos depois, faz a entrega ao cozinheiro Dag Steinar Fredriksen Myklebust do restaurante Anker Brygge.

Transporte de distribuição pesado no norte, que na verdade é uma forma especial de transporte de longa distância. Enquanto na Europa central o que interessa é conceber a «última milha» de forma eficiente, aqui muitas vezes o que interessa são as últimas 500 milhas.

Os motoristas percorrem até 800 quilómetros por dia e, mesmo assim, chegam a fornecer 20 clientes ou mais por turno.

Doze camiões pesados da empresa estão constantemente na estrada para a ServiceNord, para entregar pontualmente as mercadorias encomendadas. Entretanto, seis deles têm a estrela. Tradicionalmente, os fabricantes suecos são os que têm a maior presença nas estradas remotas do norte.

Contudo, a ServiceNord já tem seis Actros na sua frota e outros dois estão encomendados. Jørn Johansen: «Os nossos Actros praticamente não vão à oficina e os motoristas apreciam o conforto na sua cabina espaçosa com SoloStar Concept.»


Ambos são importantes, pois o gelo e a neve no inverno e estradas parcialmente não pavimentadas no verão representam grandes desafios para os camiões e os camionistas. Frequentemente, os motoristas da ServiceNord passam a noite na cabina, na solidão do norte, antes de se porem novamente a caminho de Harstad. No inverno, as voltas têm de ser feitas com temperaturas negativas extremas e, durante meses, no escuro. Além disso, muitas vezes as pontes e as passagens são intransponíveis, por isso os desvios grandes são frequentes.


Terreno acidentado. A ServiceNord escolheu o Actros com OM 473 com 460 kW, porque este veículo é o mais rápido a superar as muitas subidas, como aqui na ponte de Gimsøystraumen.

Também no verão, o terreno exige bastante do camião: aqui não existem autoestradas e vias rápidas, o país está coberto de estradas rurais tão sinuosas como acidentadas, que se estendem por centenas de quilómetros e cujo percurso liga ilhas rochosas e atravessa enormes fiordes.


Devido às condições extremas, Jørn Johansen decidiu que os seus motoristas conduzem apenas veículos com motorização topo de gama. Na sua opinião, o modelo topo de gama, o Actros 2563 com 460 kW e 3000 Nm de binário máximo, é o veículo certo para a região: «Este Actros consegue subir muitas montanhas à mesma velocidade a que as desce. O que, no fim, compensa.»

A forma como a distribuição da ServiceNord concebe as voltas, faz com que uma velocidade média elevada seja importante. Durante o dia, graças à motorização topo de gama, os motoristas ganham meia hora em comparação com camiões com motorizações inferiores e podem, por exemplo, ainda chegar a mais um local de descarga dentro do tempo de condução legal. Ou ainda conseguem chegar a casa.



Eficiente graças à motorização topo de gama.

«Tentámos trabalhar com camiões de motorizações mais fracas», conta Jørn Johansen. «Mas na nossa região montanhosa, não é apenas a velocidade média que baixa, é também o consumo de combustível que aumenta de forma extrema, pois os motoristas têm de acelerar a fundo por demasiadas vezes.»

Stig André Madsen pode confirmá-lo. O motorista trabalha para a ServiceNord há 16 anos e nos últimos anos transformou-se num verdadeiro fã de Actros. Com o veículo totalmente carregado, Madsen parte duas vezes por semana para uma volta pelas Lofoten. De Å (Moskenes) no sul até Svolvær no norte, conhece cada buraco e cada colina nas estreitas estradas rurais do arquipélago. «É bom ter um camião no qual podemos confiar e que nos ajuda a dominar tudo de forma poderosa.»


Das Lofoten até ao Cabo Norte. Possantes Actros 2563 da ServiceNord Engros AS distribuem bens alimentares e produtos de consumo diário pelo norte da Noruega.
Das Lofoten até ao Cabo Norte. Possantes Actros 2563 da ServiceNord Engros AS distribuem bens alimentares e produtos de consumo diário pelo norte da Noruega.
Solução isolada flexível. A muitos locais de descarga, como aqui em Henningsvær na costa leste das Lofoten, a ServiceNord só consegue chegar com o trator; nesses casos, o reboque fica à espera no acesso ao local.
Solução isolada flexível. A muitos locais de descarga, como aqui em Henningsvær na costa leste das Lofoten, a ServiceNord só consegue chegar com o trator; nesses casos, o reboque fica à espera no acesso ao local.
Ponto de partida regular. A pequena vila piscatória Svolvær na costa leste da ilha Austvågøya, nas Lofoten, é um dos muitos clientes da ServiceNord e é também muito apreciada pelos turistas.
Ponto de partida regular. A pequena vila piscatória Svolvær na costa leste da ilha Austvågøya, nas Lofoten, é um dos muitos clientes da ServiceNord e é também muito apreciada pelos turistas.

Madsen gosta verdadeiramente do seu trabalho. Conhece cada cliente nas ilhas – alguns deles já há muitos anos. «As pessoas aqui são mais simpáticas do que no continente. São pessoas descontraídas, que vivem em comunhão com a natureza e sabem que eu chego sempre, mesmo que demore mais uma hora por causa de um temporal.»

Na empresa, Madsen é conhecido como o «Mr. Lofoten», porque é muito rápido, flexível e eficiente a cumprir as suas obrigações nesta volta exigente com muitos locais de descarga. Quando Madsen tem sorte, a sua sogra fica com as duas filhas.

Nessas alturas, a sua mulher Cecilia acompanha-o no Actros. «Tenho espaço suficiente para os dois dias e a paisagem vista da cabina é simplesmente fantástica!»


Fotografia: Matthias Aletsee
Video: Martin Schneider-Lau

10 comentários